Informática

A inteligência artificial baseada em cérebro de insetos

A DARPA, Agência de Projetos de Pesquisa Avançada de Defesa dos EUA, possui um projeto ousado para a criação de novas inteligências artificiais. Ao invés de basear nossa inteligência artificial em nós mesmos, a agência está experimentando algo um pouco mais simples.

Os militares da DARPA querem construir uma nova inteligência artificial menor, mais simples e mais eficiente do que os softwares convencionais. Para isso, a agência quer se basear em cérebros de insetos para a criação de algoritmos altamente inteligentes.

Ao contrário de nós, seres humanos, os insetos operam quase inteiramente baseados em estímulos simples. Mariposas, por exemplo, são programadas para navegar com base na direção da luz que, ocasionalmente, as levam a voar diretamente para as lâmpadas.

Embora esses tipos de regras básicas possam, às vezes, sair pela culatra, eles também são incrivelmente simples e fáceis de implementar, o que os torna úteis para os militares. Este tipo de pesquisa foi inicialmente desenvolvido na década de 1980 no MIT pelo roboticista Rodney Brooks, que desenvolveu vários robôs baseados em princípios de insetos.

Talvez o mais bem sucedido tenha sido um robô chamado Herbert, que podia circular autonomamente pelo escritório e recolher latas de refrigerante vazias. Herbert conseguiu evitar obstáculos, identificar e coletar latas e jogá-las em uma lixeira, contando com apenas 15 regras simples.

A maior vantagem de Herbert era que ele exigia pouquíssimo poder de processamento ou memória para operar. Ao invés de um mapa interno do escritório e um conjunto complexo de sensores para navegar no ambiente, a programação semelhante a insetos de Herbert permitia que ele executasse as mesmas tarefas de robôs atuais com mais eficiência.

Herbert existia muito antes da popularização do aprendizado de máquina, mas os mesmos princípios se aplicam a inteligência artificial moderna. Algoritmos semelhantes a insetos poderiam ser usados para executar tarefas simples a baixo custo, e outra vantagem é que o treinamento de redes neurais ocorre muito mais rápido.

Livros sobre I.A

inteligencia-artificial-forte

Inteligência Artificial Forte: Como fazer ...

livro redes neurais princípio e prática

Redes Neurais. Princípios e Prática

inteligencia artificial teoria pratica

Inteligência Artificial – Teórica e ...

inteligencia-nao-estruturada-inteligencia-artificial

Inteligência não estruturada: a Inteligênc...

inteligencia artificial debora de mello

Inteligência Artificial – eBook Kindle

logia-fuzzy

A Inteligencia Artificial (Lógica Fuzzy) p...

livro-inteligencia-artificial

Inteligência Artificial – Clássico n...

redes neurais artificiais em 45 minutos inteligencia artificial

Redes Neurais Artificiais em 45 Minutos: i...

Cursos de I.A

instarise

Instarise – Inteligência artificial ...

curso-inteligencia-artificial-avancada-assistentes-pessoais

Inteligência artificial avançada para assi...

Tudo Sobre IoT curso online

Tudo Sobre IoT – Internet das Coisas

336x280_profissionais-do-futuro_seq2

Profissional do Futuro – Inteligênci...

curso robôs im inteligência artificial facebook

ROBOS.im – Plataforma para criação d...

internet-das-coisas-curso

Internet das Coisas – Uma visão ampl...

congresso-online-inteligencia-digital-futurismo

Congresso Online de Inteligência Digital &...

talia sistema inteligencia artificial advogados

Talia – Inteligência Artificial para...