Internet das Coisas

Brasileiros vandalizam inteligência artificial e app SimSimi é retirado do país

inteligência artificial

produto ser retirado de determinado país não é lá uma novidade. Às vezes acontece do mesmo ser impróprio ou conter um conteúdo inadequado de acordo com as normas daquele lugar. Mas um produto ser banido de um local por conta de mal uso de seus usuários, talvez essa sim seja uma novidade.

E foi isso que aconteceu com o SimSimi. Um aplicativo que até então tinha a finalidade de ser um chatbot para o usuário conversar com um personagem virtual, acabou se tornando uma inteligência artificial imprevisível e até mesmo agressiva, fazendo com que seus proprietários o tirassem do Brasil.

Você já ouviu falar no aplicativo SimSimi? O SimSimi é um chatbot que simula a conversa de uma pessoa com um personagem virtual. O sistema usa tecnologia de inteligência artificial para conversar com as pessoas. O app aprende com as respostas dos usuários e deveria melhorar seu diálogo com os usuários.

O problema é que o aplicativo foi proibido no Brasil em Abril deste ano por conta do mal uso por parte dos brasileiros, já que, de acordo com a empresa sul-coreana criadora do app ISMaker, o aplicativo passou a dar respostas impróprias a seus usuários, como ameaças de sequestros e assassinatos.

Através de uma publicação em seu blog, a empresa desenvolvedora de SimSimi justificou o ocorrido dizendo: “Os usuários de smartphones brasileiros não poderão mais baixar o aplicativo SimSimi na Play Store e App Store. Isso é inevitável porque o aplicativo SimSimi, pelo menos nos últimos dias, teve um impacto social negativo significativo no Brasil”.

Ainda segundo a nota, a companhia disse que esse tipo de “abuso” é inédito na plataforma e que o sistema só será restabelecido no país após a companhia conseguir desenvolver controles para evitar a situação.

A coisa estava tão séria, que há rumores que o aplicativo seria responsável por uma sequência de suicídios de adolescentes em colégios de classe média alta, em São Paulo. Por toda essa polêmica, o aplicativo não está mais disponível na Play Store, App Store e seu site está fora do ar no Brasil.

Já sabemos que aqui no Brasil a “zoeira” não tem limites, agora foi a vez dos sul-coreanos descobrirem isso. Nos resta aguardar para que a inteligência artificial do aplicativo seja aprimorada para que não consigam ensiná-la a ser mal criada e o SimSimi poder voltar ao Brasil.