Robótica

Elektro, o primeiro robô humanoide da história

inteligência artificial

Desde as primeiras criações de robôs inteligentes, o ser humano sempre foi obcecado por criar algo que fosse sua imagem e semelhança. Talvez isso explique porque alguns dos robôs mais avançados que conhecemos atualmente, sejam robôs humanoides.

No entanto, quando exatamente começaram esses estudos? Qual teria sido o primeiro robô humanoide criado por nós? Aquele que iria servir de inspiração para a vinda de vários futuros robôs parecidos com humanos?

Elektro, como ficou conhecido, foi o primeiro robô humanoide. Criado no ano de 1938, a máquina possuía 2 metros de altura e pesava cerca de 120 kg. Dentre suas capacidades técnicas, podia andar, falar, explodir balões, contar com seus dedos e até mesmo, acredite, fumar cigarros.

O robô foi construído pela empresa Westinghouse Electric Corporation em Mansfield, Ohio, EUA. E foi apresentado ao mundo, durante a Feira Mundial de Nova York em 1939.

Um fato bastante curioso é que a empresa criadora de Elektro não tinha nenhuma especialidade na construção de robôs mas sim era uma fábrica de geladeiras e máquinas de lavar roupas.

A máquina contava ainda com um vocabulário de 700 palavras, transmitidas por meio de um toca-discos instalado em seu corpo. Além disso, sua estrutura era toda feita de aço e alumínio e possuía motores elétricos para realização de seus movimentos.

Em sua época de ouro, Elektro era um sucesso nacional. Participava desde variados shows, chegando até mesmo a fazer comerciais para a TV.

Para que ele entendesse as palavras ditas a ele, a pessoa tinha que usar um telefone que ao captar a voz, transformava as palavras ditas em impulsos elétricos, que resultavam em espécies de brilhos a serem interpretados pelo robô.

O resultado disso era que, independentemente do que fosse dito, para o robô compreender e responder corretamente à pergunta, o importante mesmo era que as palavras captadas “brilhassem” tanto quanto sequências pré-gravadas pelo cérebro do robô.

Com o tempo, o robô teve o triste destino de cair no esquecimento. Acabando, no final de sua “carreira”, como uma atração em um parque de diversões da Califórnia.

Se um dia você estiver em Ohio, mais especificamente em Mansfield e quiser conhecer Elektro, saiba que o grande robô encontra-se em exposição no museu da cidade como o “robô americano mais antigo do mundo”.

Livros sobre I.A

hybris-inteligencia-artificial-e-a-revanche-do-inconsiente

Hybris: Inteligência Artificial e a Revanc...

Inteligencia Artificial Uma Introducao ao Raciocínio Baseado em Casos

Inteligência Artificial: Uma Introdução ao...

consciencia-digital-livro

Consciência digital: o segredo por trás da...

livro inteligencia artificial george f luger

Inteligência Artificial – Abordagem ...

redes-neurais-artificiais

Redes Neurais Artificiais Para Engenharia ...

inteligencia artificial compreender em que consiste a ia que implica aprendizagem de maquinas

Inteligência Artificial: Compreender em Qu...

biologia-artificial

Biologia Artificial: A evolução da Intelig...

inteligencia-artificial-no-ensino

Inteligência Artificial no Ensino. Como Co...

Cursos de I.A

curso-inteligencia-artificial-avancada-assistentes-pessoais

Inteligência artificial avançada para assi...

talia sistema inteligencia artificial advogados

Talia – Inteligência Artificial para...

internet-das-coisas-curso

Internet das Coisas – Uma visão ampl...

Tudo Sobre IoT curso online

Tudo Sobre IoT – Internet das Coisas

curso online robotica automacao residencial

Curso de Robótica e Automação Residencial

instarise

Instarise – Inteligência artificial ...

336x280_profissionais-do-futuro_seq2

Profissional do Futuro – Inteligênci...

congresso-online-inteligencia-digital-futurismo

Congresso Online de Inteligência Digital &...